Almeidas Assessoria Contábil

Blog

Saúde financeira da empresa

Saúde financeira da empresa: entenda o conceito e saiba como avaliar!

Cuidar da saúde financeira da empresa pode ser visto como um desafio pelos empreendedores. Muitos empresários mantêm suas empresas sem saber exatamente quais são seus lucros ou possíveis prejuízos. Eles simplesmente vão levando, fazendo vista grossa, até que são “surpreendidos” pela falência.

Com toda a certeza, manter uma boa saúde financeira é imprescindível para manter uma empresa dando lucro e com um crescimento sustentável. Ainda, analisar a saúde financeira da organização pode te ajudar a determinar quais ajustes você precisa fazer.

Pensando na relevância do tema, criamos este artigo para ajudar você a entender o conceito e saber avaliá-la em seu negócio. Continue lendo abaixo com atenção! 

O que é?

Saúde financeira da empresa

Antes de tudo, é válido considerar que a ideia de saúde financeira pode ser definida de várias maneiras, pois se trata de um conceito razoavelmente amplo. Mas em termos resumidos, ela representa a capacidade de a empresa gerar caixa – por meio de uma operação lucrativa, a fim de honrar seus compromissos financeiros de curto e longo prazos com terceiros e sócios.

Por isso ela é vista por gestores e diretores financeiros como determinante para a continuidade de um negócio. Portanto, se o fluxo de caixa de uma organização está comprometido, é fundamental contornar essa complicação antes de tomar outras decisões estratégicas.

Fato é que uma empresa precisa alcançar determinados patamares para atingir a condição de financeiramente saudável. Alguns deles, aliás, passam por controles financeiros robustos, que incluem:

  • fluxo de caixa, vendas e monitoramento de recebíveis, obrigações a pagar e estoques;
  • formação adequada de preço;
  • análises de lucratividade;
  • seletividade de clientes;
  • planejamento orçamentário e tributário;
  • gestão de risco e compliance;
  • contabilidade efetiva.

Além disso, fazer um bom monitoramento do nível de sucesso da empresa com a análise de índices financeiros é uma prática muito importante. A partir dela, é possível não só diagnosticar uma série de problemas. Também encontrar os melhores caminhos para resolvê-los e alcançar a saúde financeira empresarial. 

-> Leia também: Controle de Fluxo de Caixa: 7 dicas para o crescimento da empresa

Como avaliar a saúde financeira da empresa

Em suma, existem alguns indicadores que podem auxiliar bastante na avaliação. Uma boa análise oferece aos gestores um olhar mais abrangente sobre a empresa. A capacidade de avaliação desses indicadores também garante uma melhor qualidade do processo de tomada de decisão. Confira cada um deles!

Faturamento

Ele aponta o quanto é comercializado e a quantidade de dinheiro gerada pelo negócio. Além disso, é útil para realizar comparações com as metas definidas para o período e identificar a necessidade de realinhar as estratégias. Ainda, de procurar novos clientes para que a companhia atinja o lucro desejado.

Recebimento

Faturamento e recebimento são coisas distintas. Você pode ter boas vendas, mas não receber essa quantia efetivamente. Isso acontece, principalmente, com quem realiza muitas vendas a prazo e acaba sofrendo com a inadimplência. 

Dessa forma, para evitar esse tipo de situação, você pode elaborar um programa de cobrança eficiente, deixando o recebimento mais próximo do faturamento.

Endividamento

Tudo bem que, muitas vezes, é praticamente impossível manter um negócio a todo vapor somente com o dinheiro oriundo da própria empresa. Nessas circunstâncias, o gestor se vê obrigado a realizar um empréstimo bancário.

Esse procedimento deve ser feito com máxima cautela. Além disso, os recursos emprestados precisam contribuir para o aumento do lucro. Caso contrário, as dívidas da empresa podem se transformar em uma gigantesca bola de neve. Sempre antes de efetuar um empréstimo, você tem que analisar qual será o impacto dessa ação para o crescimento ou declinação do negócio.

Lucratividade

Mostra se a saúde financeira da instituição está boa ou em risco e se tem a capacidade de gerar resultados reais. É muito importante averiguar quais são os ganhos líquidos da organização para ver se são satisfatórios. De acordo com o setor no mercado, produtos e serviços oferecidos, entre outros.

Por meio do resultado dessa avaliação, é possível observar se a companhia, de fato, é sustentável e se as despesas estão adequadas às receitas e aos processos. Isso permite planejar o fluxo de caixa e prever a diminuição do índice de endividamento.

No entanto, vale ressaltar que é preciso contar com a ajuda de um contador qualificado para lhe orientar na administração das finanças da sua empresa. E assim, conquistar a saúde financeira da empresa. Entre em contato conosco, podemos ajudar você a tornar sua empresa financeiramente saudável e a conquistar o sucesso! 

sobre o autor
Fábio Almeida é graduado em Tecnologia da Informação e Ciências Contábeis com mais de 10 anos de atuação como contador e empreendedor.


Sem Comentários


deixe seu comentário :

* O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.