Almeidas Assessoria Contábil

Blog

Plano de negócios

Passo a passo para montar um plano de negócios!

O plano de negócios é um planejamento que abrange o conceito do negócio, seção de marketing e financeira. Sua elaboração planifica as estratégias necessárias para alavancar as vendas do produto ou serviço oferecido e para criar uma autoridade para a marca.

Ainda, organizar no papel todos os pontos inerentes à abertura de um empreendimento garante ao empresário uma visão muito melhor do futuro negócio. Eliminando erros que podem até mesmo inviabilizar a sua continuidade. 

Assim, fica claro que esse planejamento é essencial para empresas que buscam ter sucesso e permanecer no mercado. Pensando nisso, separamos para você o passo a passo desse plano. Confira! 

-> Leia também: 6 benefícios que a contabilidade estratégica pode trazer para a sua empresa

Como elaborar o seu plano de negócios

Plano de negócios

1 – Sumário executivo

O sumário executivo é a primeira parte do seu planejamento e a última a ser elaborada. Nele, você vai resumir as informações mais importantes. Você deve incluir:

  • Dados dos empreendedores, experiência profissional e atribuições
  • Dados do empreendimento
  • Missão da empresa
  • Setores de atividade
  • Forma jurídica
  • Enquadramento tributário
  • Capital social
  • Fonte de recursos

2 – Análise de Mercado

Esta é uma das análises mais importantes, pois verifica se há consumo para seu tipo de produto ou serviço e qual o potencial de crescimento do nicho que irá atuar. Também, te ajuda a compreender melhor os aspectos importantes do mercado no qual você irá atuar.

Conhecer a fundo os concorrentes, seus produtos e a qualidade de seus serviços também é preciso. A fim de identificar oportunidades para aproveitá-las e problemas que seu negócio deverá evitar tê-los para conquistar o cliente.

Fazer parcerias com bons fornecedores que oferecem um preço, qualidade, prazo de pagamento e entrega competitivos pode auxiliar nas operações da empresa. 

Nesta seção faça um estudo dos:

  • Clientes
  • Concorrentes
  • Fornecedores

3 – Plano de marketing

O Plano de Marketing deve conter todas as estratégias que irão elevar o desempenho das vendas e aceitação do seu produto. 

Procure se basear na sua pesquisa de mercado para descrever o seu público alvo. A imagem que seu produto deve passar para o cliente, qual a estratégia de preços que será adotada. Quais canais de venda que serão usados para mostrar o seu produto ao potencial cliente e as atividades de relações públicas, publicidade e marketing. 

Se você não possuir um vasto conhecimento sobre essa área, peça a ajuda de um profissional. Um bom plano de marketing já te dará um panorama de como serão as vendas e o que você pode fazer para impulsioná-las.

4 – Plano operacional

O plano operacional é muito particular de cada empresa, depende dos serviços ou produtos que ela oferece. Entretanto, de maneira geral, esta seção descreve como funciona o seu negócio no dia a dia.

Existem algumas informações básicas que podem ser colocadas, como:

  • Descrição dos ciclos operacionais de entrega e venda do seu serviço/produto
  • Quais materiais e habilidades são necessários para a produção
  • Tabelas de despesas operacionais, necessidade de capital e custos de mercadoria

Tente detalhar de forma concisa tudo aquilo que julgar importante no ciclo operacional da sua empresa.

-> Leia também: Gestão de custos: tudo o que você precisa saber!

5 – Plano Financeiro

Provavelmente esse passo seja o mais trabalhoso e com maior nível de dificuldade para ser escrito. Nele, você irá colocar na ponta do lápis tudo que envolva dinheiro, gastos, investimentos e capital de giro em todas as ações planejadas no Plano. 

Nesta seção faça uma:

  • Estimativa dos investimentos fixos
  • Capital de giro
  • Estimativa do custo unitário de matéria-prima, materiais diretos e terceirizações
  • Investimentos pré-operacionais
  • Investimento total
  • Estimativa do faturamento mensal da empresa
  • Estimativa dos custos de comercialização
  • Apuração do custo dos materiais diretos e/ou mercadorias vendidas
  • Estimativa dos custos com mão de obra
  • Estimativa dos custos fixos operacionais mensais
  • Demonstrativo de resultados
  • Estimativa do custo com depreciação
  • Indicadores de viabilidade

Embora seja trabalhoso, o plano de negócios é essencial para o desenvolvimento da sua empresa. Conte com a ajuda de uma assessoria contábil para montar todo o seu planejamento de maneira eficaz. Conte conosco, podemos ajudar sua empresa!

sobre o autor
Fábio Almeida é graduado em Tecnologia da Informação e Ciências Contábeis com mais de 10 anos de atuação como contador e empreendedor.


Sem Comentários


deixe seu comentário :

* O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.